Tag: Wordpress

Problema para instalar ou atualizar plugins WordPress

Solved thanks to someone on Google+ 🙂

Your web host has forgotten to set up a tmp directory or to make it writable for you. If you forward the same error messages to them and mention the tmp directory they should resolve it for you.

The alternative is to override the default tmp directory by adding this line to you wp-config:

define( ‘WP_TEMP_DIR’, ABSPATH . ‘wp-content/tmp/’) ;

Then create that tmp folder in your wp-content directory and set permissions to 755. Really, though, it should be up to your host to correct.

https://wordpress.org/support/topic/moved-server-now-cant-install-or-update-plugins

Anúncios

Como integrar o Facebook, Twitter, WordPress, Blogspot, Google Reader, MSN, GTalk e muito mais.

Primeiro como integrar o Twitter com o Facebook, para isso o Facebook tem dois aplicativos, é só se inscrever nos dois que aquilo que você escreve no Twitter vai aparecer no Facebook e vice-versa. Primeiro a propria ferramenta “Twitter”do Facebook, que importa os twitters para o Facebook.Depois a ferramenta “Twitter Updater”do Facebook, que exporta para o Twitter as mensagens que vc publica no Facebook.Ou seja agora tudo que for para o Twitter vai aparecer no Facebook, então é só integrar o que você quiser com o Twitter. No meu caso o meu Blog esta no WordPress numa instalação em servidor próprio, então instalei o Plugin “WP to Twitter”para enviar o título das postagens com o link para o Twitter e automaticamente este também vai para o Facebook.

Para quem não usa o WordPress e sim o Blogspot ou qualquer outra ferramenta de blog tem uma outra opção que é a que eu uso para enviar para o Twitter as melhores noticias que eu leio no Google Reader, essa solução se baseia no Feed (RSS) dos blogs. É só se cadastrar em http://twitterfeed.com/e lá adicionar os Feeds que você vai querer que seja publicado no seu Twitter. Só cuidado com a opção “Shorten link through” que é o encurtamento do link para o Twitter, a primeira opção que eu tentei (Não me lembro qual) estava bloqueada no Facebook, assim a mensagem era publicada no Twitter mas não ia para o Facebook, mudei para o encurtamento “bit.ly” e não tive mais problemas.

Outra vantagem do http://twitterfeed.com/é que depois é possí vel verificar quantas vezes essa postagem foi acessada via Twitter ou Facebook.

Outra integração interessante é a do plugin http://www.buddyfuse.com/para o MSN, com esse plugin os contatos do Google Talk (Gmail) também ficam disponíveis para conversar diretamente do MSN, e quando você muda a sua frase de Status essa frase é enviada direto para o Twitter e com as opções acima essa também vai para o Facebook.

Agora se você esta achando complicado ficar acompanhando email, Facebook, Twitter, Blogs, Google Reader, MSN, GTalk, Meteorologia, Câmbio, Bovespa,… em mil e uma páginas na internet te digo que esta perdendo tempo, nada como colocar tudo isso na Pagina inicial do Googlee pronto com os Widgets certos da para acompanhar tudo em uma única página, nos próximos dias publico os melhores aplicativos do iGoogle.

Acho que é isso qualquer duvida é só postar nos comentários, só não me perguntem como integrar o Orkut, pois esse cancelou a opção de adicionar Feeds e se ele não mudar em breve prevejo que ele vai acabar morrendo.

P.S. RT do Twitter também vão para o Facebook, mas mensagens diretas não.

Texto de: Riesel

WordPress – Níveis Dos Usuários

Autor

Olá super leitor! Hoje você irá vencer mais uma etapa e logo fará parte do Hall de vencedores, como um super profissional em WordPress. Nesse artigo será feito uma profunda abordagem sobre os níveis de usuários do WordPress.

Antes de entrar de vez no assunto gostaria de enfatizar a importância de você definir exatamente em quais níveis que os usuários do seu blog deverão fazer parte, principalmente para garantir a segurança do seu blog, além de sua organização, é claro.

O WordPress usa o conceito de Papéis (Roles, em inglês) que permite atribuir maior ou menor capacidade dentro do seu blog. Essa capacidade diz respeito a funções que cada papel possui. Até a versão 2.0 do WordPress, os usuários eram definidos por níveis, que ia de 0 a 10. Por isso é muito comum os papéis serem chamados de níveis de usuário (inclusive eu chamo assim), mas é importante você conhecer essas diferenças, pois alguns plugins utilizam ainda o conceito antigo, ou seja, em vez dos papéis, utilizam os níveis de 0 a 10.

WordPress roles

O WordPress já vem com alguns papéis pré-definidos. São eles:

  • Assinante (Subscriber), equivalente ao nível 0 (zero);
  • Colaborador (Contributor), equivalente ao nível 1;
  • Autor (Author), equivale dos níveis 2 ao 4;
  • Editor (Editor), equivale dos níveis 5 ao 7;
  • Administrador (Administrator), equivale dos níveis 8 a 10;

Cada papel tem suas funções cumulativas, ou seja, nos níveis mais altos são adicionados todas as funções dos níveis anteriores. Veja abaixo uma tabela que mostra o que cada papel é capaz de realizar:

Níveis dos Usuários WordPress

Cada função mostrada é auto-explicativa e por isso irei apenas mostrar em que partedo Painel de Administração cada uma é acionada:

Instalar temas / Atualizar temas

  • Aparência > Adicionar novos temas;

Trocar temas

  • Aparência > Temas, sendo na parte de temas disponíveis;
  • Aparência > Widgets;

Editar temas

  • Aparência > Editor;
  • Aparência > Personalizar cabeçalho, quando disponível para o tema aplicado;

Instalar plugins

  • Plugins > Adicionar novo;

Ativar plugins

  • Plugins > Instalados, botão ‘Ativar’;

Editar plugins

  • Plugins > Editor;

Excluir plugins

  • Plugins > Instalados, botão ‘Excluir’;

Criar usuários

  • Usuários > Adicionar novo;

Editar usuários

  • Usuários > Autores e Usuários;

Excluir usuários

  • Usuários > Autores e Usuários, botão ‘Excluir’;

Editar arquivos

  • Não mais usado nas versões recentes;

Mudar configurações

  • Configurações > Geral;
  • Configurações > Escrita;
  • Configurações > Leitura;
  • Configurações > Discussão;
  • Configurações > Mídia;
  • Configurações > Privacidade;
  • Configurações > Links Permanentes;
  • Configurações > Diversas;

Importação

  • Ferramentas > Importar;
  • Ferramentas > Exportar;

Qualquer Upload

  • Permite que qualquer tipo de arquivo seja carregado;

Editar Painel

  • Permite modificar configurações do Painel de Administração do WordPress;

Moderar Comentários

  • Permite acesso à parte de moderação dos comentários. Para isso, também é necessário acesso à edição do post do comentário;

Gerenciar Categorias

  • Posts > Categorias;
  • Links > Categorias de Links;

Gerenciar Links

  • Links > Editar;
  • Links > Adicionar novo;

HTML sem restrições

  • Permite usar tags HTML e códigos JavaScript nas Páginas, Posts e Comentários;

Editar Post publicado

  • Posts > Editar, permitindo editar um post já publicado pelo usuário;

Editar Posts dos outros

  • Posts > Editar, permitindo editar posts de qualquer usuário;

Editar Páginas

  • Páginas > Editar;

Editar Páginas dos outros

  • Páginas > Editar, permitindo editar páginas de qualquer usuário;

Editar páginas publicadas

  • Páginas > Editar, permitindo editar páginas já publicadas pelo usuário;

Publicar páginas

  • Páginas > Adicionar nova, permitindo aparecer o botão ‘Publicar’;

Excluir páginas

  • Páginas > Editar, permitindo excluir páginas criadas pelo usuário;

Excluir páginas dos outros

  • Páginas > Editar, permitindo excluir páginas de qualquer usuário;

Excluir páginas publicadas

  • Páginas > Editar, permitindo excluir páginas já publicadas pelo usuário;

Excluir Posts dos outros

  • Post > Editar, permitindo apagar posts de qualquer usuário;

Excluir Posts privados

  • Post > Editar, permitindo apagar posts com status privado de qualquer usuário;

Editar Posts privados

  • Post > Editar, permitindo editar posts com status privado de qualquer usuário;

Ler Posts privados

  • Post > Editar, permitindo visualizar posts com status privado de qualquer usuário;

Excluir páginas privadas

  • Páginas > Editar, permitindo excluir páginas com status privado de qualquer usuário;

Editar páginas privadas

  • Páginas > Editar, permitindo editar páginas com status privado de qualquer usuário;

Ler páginas privadas

  • Páginas > Editar, permitindo visualizar páginas com status privado de qualquer usuário;

Upload de arquivos

  • Mídia > Adicionar nova
  • Também permite o upload na criação de posts e páginas;

Publicar Posts

  • Posts > Adicionar novo, permitindo a visualização do botão ‘Publicar’;

Excluir Posts publicados

  • Posts > Editar, permitindo excluir posts já publicados pelo usuário;

Editar Posts

  • Páginas > Editar, permitindo edição do posts do usuário;

Excluir Posts

  • Páginas > Editar, permitindo excluir os posts do usuário;

Ler

  • Perfil > Seu Perfil, permitindo apenas mudança do seu perfil de usuário;
  • Apenas faz a leitura do Painel e do conteúdo do WordPress na página principal;

Essas informações foram retiradas do site oficial de documentação do WordPress, mas realizando alguns testes posso acrescentar algumas coisas:

  • Colaborador e Autor também visualizam os comentários no Painel, porém sem opções de moderação;
  • As funções de Editar Post publicado, Ler Posts privados, Editar Posts privados e Excluir Posts privados também são atribuídos aos papéis de Colaborador e Autor desde que os posts sejam do próprio usuário que os criou;

Existe um grande problema com esses papéis pré-definidos do WordPress e como exemplo apenas vou citar o papel Colaborador. Ele consegue criar e editar seus posts, exceto com status privado, porém não consegue fazer upload de mídias. Esse problema é resolvido com alguns plugins disponíveis. Mas isso já é assunto para outro artigo.

Finalizo aqui dizendo que se possível leia mais de uma vez esse artigo, pois é realmente importante você conhecer a limitação de cada papel do usuário no WordPress. E caso tenha qualquer dúvida, sugestão, crítica ou elogio faça-o nos comentários, pois eu quero te conhecer mais.

wordpress roles

No próximo artigo iremos praticar na parte de administração de autores e usuários do WordPress. Espero-te lá!

Links Úteis e Referências